DO BLOG DO VETERANO

A FAMÍLIA NO MEU FELIZ ANIVERSÁRIO! 29/05

Desculpe a ausência!O tempo vai passando e nós vamos ficando cada vez mais viciados no viver e viver todos os momentos com intensidade, as emoções do momento nos marcam e esse momento que estou compartilhando com você, com certeza absoluta foi um dos mais felizes de minha vida. Um brinde, a coisa mais importante da vida, a FAMÍLIA!
Blog do Edilson Veterano

AMERICANO É MEU LUGAR

AMERICANO PARÁ disse...

Valeu Bruno Marques, foi uma surpresa agradável te conheçer e poder conversar uma pouco com vc, espero outras oportunidades,vai uma sugestão; que tal segunda 19:30 na sede da Associação Comunitára da Vila de Americano, tá feito o convite, um grande abraço!

COMENTÁRIO DO BLOG

Fui poucas vezes em minha vida a Americano, entrementes sempre que vou, tenho uma sensação muito agradável do lugar. Diferente de outras vilas de nosso município, percebe-se prosperidade em Americano, fruto direto do trabalho das pessoas, nenhuma outra vila tem tanta boa casa de alvenaria, comércios grandes e, acima de tudo, a organização política da comunidade que hoje conta com dois vereadores e o vice-prefeito (Quem sabe não está na hora de fazer o prefeito?), além de ter uma asossiação de moradores atuante e politicamente ativa e forte que consegue articulações com a capital sem passar pela esfera de influência do palácio Capitão Noé de Carvalho.
Viva Americano! Viva a sua gente! Viva suas lutas!

2ª PROPOSTA DO PPS PARA A REFORMA POLÍTICA

AMPLIAÇÃO DO SEGUNDO TURNO
Quando o Congresso decidiu pelo segundo turno nas cidades com mais de 200 mil eleitores era um passo para avaliar os benefícios e a pertinência de se ampliar esse horizonte. Agora, já está provado que a medida foi benéfica e democrática, por garantir mais legitimidade aos eleitos em municípios cuja complexidade administrativa é maior. Com a adoção de segundo turno em cidades com mais de 50 mil eleitores, o PPS quer levar essa mudança a um número maior de brasileiros.

BARBÁRIE

Jovem mãe de 15 anos abandona seu filho rescém nascido em lixão em Castanhal, o corpo foi descoberto porque um dos vários urubus que comeram a criança voou com um pedaço de seu braço que foi visto por catadores.
Não se sabe se a criança estava viva ou morta, quando do abandono. A moça está sendo considerada desequilibrada mental.

Os alaridos tucanos


Shot003
A convenção nacional do PSDB no sábado, 28, foi marcada pela inflexão da sigla rumo ao senador Aécio Neves, fortalecendo-lhe a candidatura à presidência da República em 2014.
O grande derrotado foi José Serra que, rendendo-se aos panos mornos, conformou-se com um prêmio consolação: presidirá o conselho político do PSDB.
Apaziguados os ânimos as orelhas do PT passaram a arder: foi pernada para todos os pontos cardeais.
José Serra foi pra cima da escancarada intervenção de Lula na administração política do Planalto: “Em muito pouco tempo de governo aquilo que se considerava de pior já está acontecendo. Cada vez mais, na Presidência da República, a sua ocupante do cargo governa cada vez menos. E aquele que não foi eleito governa cada vez mais. Esta é a realidade”.
E prosseguiu Serra, sob os aplausos da tucanada: “Este é o Brasil do engano. Temos um governo negligente, ineficiente, omisso, incompetente e que agora de novo começa a navegar nas águas da corrupção”.
O ex-presidente FHC também não poupou adjetivos ao se referir ao governo federal: “é o governo da bazófia, do lero-lero, da intriga. É fracasso para todo o lado.”.
Derramando espuma pelos cantos dos lábios, FHC lavava a alma: “Passaram anos criticando a privatização, agora vão fazer concessão. Vai ser um puxadinho aqui, outro ali.” Ele se referia às concessões dos aeroportos que o governo anunciou.
Aos ataques ao governo, o senador Aécio Neves preferiu o vitupério, derramando autoelogios: “Ninguém inovou tanto nesse país como inovou o PSDB. Ninguém fez mudanças mais profundas nesse país como fez o PSDB. E se somos hoje um país melhor, e realmente somos, se somos um país moderno e se novamente voltamos a ser respeitados internacionalmente e se estamos diminuindo nossas diferenças regionais, tudo isso é consequência do que foi implantado pelo presidente do FHC.”
O PT deve estar uma arara com os tucanos. O troco da paga deve vir durante a semana, nas tribunas do Parlamento.

Blog do Parsifal

Professores cobram a implantação do Plano de Carreira, Cargos e Salários até o final de junho



Os professores da rede pública estadual de ensino prometem paralisar suas atividades na tarde de hoje, para realizar um ato público e cultural em frente à Secretaria Estadual de Administração (Sead). A categoria tem como principal objetivo cobrar celeridade do governo quanto à implantação do Plano de Carreira, Cargos e Salários (PCCS). O movimento, que está sendo organizado pelo Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Pará (Sintepp), também pretende pressionar o Estado para que a remuneração da categoria acompanhe o piso salarial nacional. A Sead convocou uma audiência, às 15 horas de hoje, para receber uma comissão formada por dirigentes sindicais ligados ao Sintepp. Ainda assim, os professores prometem fazer barulho na porta da Secretaria, até o final da reunião, conforme acertado em Assembleia Geral realizada no último dia 20.
E foi também durante a última assembleia que os trabalhadores da educação no Pará decidiram pela manutenção do estado de greve, e deram um ultimato ao governador Simão Jatene para que o PCCR seja implantado até o final de junho. Segundo o representante da Executiva de Belém do Sintepp, Eloy Borges, o Plano de Carreira foi aprovado na Assembleia Legislativa do Pará (Alepa) em 15 de junho de 2010 e sancionado pelo governo anterior em 2 de julho de 2010. "O prazo inicial para implantação do PCCR foi de 90 dias, e, como já expirou há pelo menos seis meses, os trabalhadores só aceitarão reformulações estruturais no texto da lei se for para avançar", comenta. A classe não descarta a possibilidade de cruzar os braços, já no início de junho. De acordo com o representante do Sintepp, a efetiva paralisação será decidida em assembleia, no próximo dia 2. "Tudo depende do que será conversado hoje, na audiência com a secretária de Administração, Alice Monteiro. Enquanto isso, o estado de greve continua vigente", avisa.
A categoria ainda está se mobilizando. Segundo informações Sintepp, pelo menos a metade dos profissionais da educação do Estado é favorável à greve. Conforme assegura Borges, a última assembleia foi representativa. "O governo vem pedindo prazos, e especula fazer algumas reformulações em vários artigos da lei. A Sead tenta determinar que a implantação do PCCR ocorra a partir de outubro, porém está muito distante, e queremos um tempo menor", diz.
Os trabalhadores se queixam do piso salarial, e pretendem convencer Alice Monteiro a seguir o índice nacional. Caso a secretária aceite a proposta da categoria, mudará, além da faixa salarial, a carga horária. "Este novo piso salarial foi aprovado pelo Supremo [Tribunal Federal]. Queremos equiparar o salário do educador paraense ao indicador do País. Pretendemos ter um reajuste salarial digno, pois, a proposta do governo não nos satisfaz", completa.
Nacionalmente, o ganho-base do professor é de R$ 1.187,00, mais vantagens, como a gratificação de nível superior (80% do salário-base) e a regência (20% do salário-base). Com isso, o salário do educador graduado pode ultrapassar a casa dos R$ 2 mil. Por outro lado, a categoria vai precisar trabalhar mais, pois a carga horária aumenta de 20 para 40 horas semanais. Hoje, segundo afirma Eloy Borges, o salário médio dos profissionais da educação no Pará é de R$ 548,00.  (ORM)

COMENTÁRIO DO LINO

Caro Bruno:

   Apesar de achar justa a manifestação do Sr. Keko pela não implantação de mais penitenciárias no município, acho que seu discurso perde consistência, quando coloca as reinvindicações,em troca.
   Lembrando o episódio (idêntico) de Caraparu, o povo protestou por alguns meses, sem exigir nada em troca e com persistência conseguiu.
   Para uma investida dessas, teríamos que ter a iniciativa do Poder Público (qual seria a opinião deste ?), em consonância  com o povo, para frustrar a pecha de o nosso município ser apenas a " Depósito de Apenados". Há muito foi permitido isto, por conta de governos pífios e desinteressados na defesa do municipio. Agora ou se faz alguma coisa substancial e significativa para evitar (o quase inevitável), ou vai-se chorar eternamente o "leite derramado".

BLOGSFERA

Mais um na blogsfera izabelense, desta vez é o meu vizinho e amigo Edílson Veterano. Seu endereço é edilsonveterano.blogspot.com .
É um blog com estilo e personalidade. Espero que o Edilson o atualize, pois ele tem muito a acrescentar aos nossos debates por ter uma visão particular da realidade como todos os outros blogueiros, essa diversidade de pensamentos é enriquecedora para qualquer república. 
É isso aí, quanto mais gente, mais ideias e mais debate.

COMO É ISSO?



Conversei com o líder comunitário Virgílio de Americano sobre a audiência pública contra a construção de novas penitenciárias. Ele disse-me que quem está a frente deste movimento é o vice-prefeito Keko que luta contra a construção dois novos complexos agora, mas como mostram as fotos acima, descerrou placa de inauguração de um novo complexo penitenciário construído no governo do PT. Vai entender a lógica da política!

RESPOSTA AO JORNAL IZABELENSE DESTAK

Gostariamos de saber quem patrocina no jornal DESTAK esse monte de elogios ao prefeito Marió Kató de Santa Izabel do Pará. Foi públicado nesse jornal que a Associação Comunitária do Vila de Americano não participou da conferência municipal de saúde no primeiro dia,  no segundo dia só esteve presente por trinta minutos. RESPOSTA:  participamos da pré-conferência na escola Magalhães Barata em Americano, o vice keko elogiou a saúde no municipio e falou que Americano era modelo de saúde, o vereador Boró só falava no Márcio Miranda, o vereador edmilsom só elogiava o prefeito, o presidente do conselho de saúde e os conselheiros defendiam essa política sem saúde de Santa Izabel do Pará. CONCLUSÃO: A Diretoria da Associação Comunitária da Vila de Americano tinha no mesmo horário uma reunião na Assembléia Legislativa do Pará sobre o processo de criação do município de Americano do Pará, Já deu resultado; A COMISSÃO DE DIVISÃO ADMINISTRATIVA DO ESTADO E ASSUNTOS MUNICIPAIS já protocolou ao IBGE protocolo 03711 informações em caráter oficial sobre a cumprimento das exigências da lei.
A verdade é que já participamos de uma conferência municipal e só quem falava e decidiam eram os secretários da prefeitura, aquilo era um circo armado, trinta minutos na conferência de saúde foi uma forma que a Associação Comunitária da Vila de Americano adotou para protestar pelo descaso e falta de respeito do prefeito, vereadores e secretários municipais.
Esperamos que esse cenário político mude apartir de 2012, o município de Santa Izabel do Pará é rico, é bonito, só nunca foi bem administrado.




FOTO DA UNIDADE DE SAÚDE DE AMERICANO FECHADA AOS SÁBADOS E DOMINGOS, QUEM QUISER FAZER UM SIMPLES CURATIVO OU UMA EMERGÊNCIA TEM QUE PEDIR FAVORES AO VEREADOR BORÓ   E PAGAR COM VOTOS.
Blog Americano Pará

PROBLEMAS

Problema com o Blogger



            Tentando atualizar o blog, mas tá difícil conseguir acessar a conta do blogger. Peço desculpas pelo transtorno e paciência que vou conseguir.
Blog do Tiago Sousa
COMENTÁRIO DO BLOG
Estive com o mesmo problema nos útimos dias.

PARA O BLOGUEIRO DIEGO SOUSA

O blogueiro Diego Sousa, fez serveras críticas ao federal ficha-limpa do PPS, a resposta foi dada pelo TRE e faz tempo. O deputado Jordy defendeu-se na justiça que lhe deu sentença favorável como esperado por todos que acreditam nele.

TRE aprova as contas de campanha de Arnaldo Jordy

Por maioria dos votos, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) aprovou na manhã desta terça-feira, 25, as contas de campanha do deputado federal eleito, Arnaldo Jordy (PPS). No ano passado, as contas do parlamentar foram rejeitadas por problemas técnicos relacionados à pintura de muros sem identificação.
Por meio de sua assessoria jurídica, Jordy recorreu da decisão e hoje teve suas contas acatadas pelo pleno daquela corte. Ele atendeu a todas às exigências de documentos feitas pelo Tribunal e sanou o problema, com o TRE acolhendo a tese da irrelevância dos valores de tinta e muros.
As contas de campanha de Arnaldo Jordy receberam parecer favorável do Ministério Público, que as aprovou na época com ressalvas, conforme parecer do procurador eleitoral Daniel Azeredo Avelino. “Soubemos esperar com serenidade a decisão do TRE quanto à aprovação das nossas contas, o que se concretizou hoje”, disse o parlamentar, que aproveitou para agradecer a todos os amigos pelos incontáveis gestos de solidariedade que recebeu de todos os cantos do Estado. “A campanha derrotada dos “fichas sujas” em nenhum momento me abateu. Pelo contrário, me deu mais força”, disse Jordy, que toma posse no dia 01 de fevereiro como o terceiro deputado federal mais votado do Pará nas últimas eleições.

CHAMADA

O Nielsen Martins, no seu programa no SBT, deu uma chamada no Marió semana passada por conta do sumiço de uns tubos da caixa d'água da Santa Lúcia. Assim é difícil "defender " o homem.

AMERICANO

O Diego vai ficar louco com essa, a Vila de Americano não abandonou o sonho da emancipação, em breve podemos ter outro plebiscito. Adivinhem de que lado eu estarei?

TV TACAJÓS

Podemos ter a re-ativação da TV Tacajós em breve, o proprietário da TV tenta furar o bloqueio político imposto a ele. Sua empreitada pode ter êxito agora, pois não é mais o PMDB que comanda as Comunicações, é o PT.
Espero que ele consiga, a imprensa é importante para a democracia e a vida da República.

1ª PROPOSTA DO PPS PARA A REFORMA POLÍTICA

VOTO DISTRITAL MISTO
Nesse sistema, estados e municípios são divididos em diversos distritos de acordo com o número de eleitores. O eleitor passa a ter o direito a dois votos para eleger deputados e vereadores: um no candidato do distrito e outro no partido, representado por lista fechada e preordenada. No primeiro voto, o eleitor escolherá o candidato do distrito para representar a região; no segundo voto, o eleitor poderá estudar qual, dentre os partidos, tem ideologia mais parecida com seu pensamento, com suas ideias. Ao mesmo tempo em que se elegem os representantes com um comprometimento maior com a região, se aposta no fortalecimento político-partidário, com o voto na legenda.

DIEGO SOUSA

O companheiro Diego está em maus lençóis, além de estar sem internet, está com uma séria infecção da barbante, ambos os problemas o estão impedindo de postar.
Torço por melhoras do amigo!

AMERICANO

Estive em Americano hoje. Fui ao aniversário do pré-candidato a prefeito pelo PPS o contador Ronaldo Batista que é uma excelente pessoa. Tive a felicidade de conhecer o líder comunitário Virgílio que é bastante atuante na busca de melhorias para a comunidade. 

REUNIÃO

Terça-feira às 19:00 h, no Casarão da Saudade, o sr. Ishigaki, fundador do PPS em Santa Izabel, estará reunindo seu grupo político para lançar seu pré-candidato à prefeito.
Está confirmada também a presença do deputado João Salame.
A reunião será aberta para quem queira participar. Perguntei ao seu Ishigaki quem seria o seu pré-candidato, porém ele não revelou-me. Tenho razões para acreditar que possa ser o empresário Manoel do Clóvis. Devemos aguardar até terça para saber quem será.

PROPOSTAS DO PPS

A partir de amanhã começarei uma série de postagens sobre as propostas do PPS para a reforma política brasileira.

ARRECADAÇÃO DO MUNICÍPIO DO MÊS

27/05/2011    SISBB - Sistema de Informações Banco do Brasil    17:08:22
SANTA ISABEL DO PARA - PA

FPM - FUNDO DE PARTICIPACAO DOS MUNICIPIOS
DATA
PARCELA
VALOR DISTRIBUIDO

10.05.2011
PARCELA DE IPI
124.167,78 C
PARCELA DE IR
1.005.837,56 C
RETENCAO PASEP
11.300,04 D
DEDUCAO SAUDE
169.500,79 D
DEDUCAO FUNDEB
226.001,06 D
TOTAL:
723.203,45 C

20.05.2011
PARCELA DE IPI
38.341,85 C
PARCELA DE IR
85.084,63 C
RETENCAO PASEP
1.234,25 D
DEDUCAO SAUDE
18.513,96 D
DEDUCAO FUNDEB
24.685,29 D
TOTAL:
78.992,98 C

30.05.2011
PARCELA DE IPI
25.597,11 C
PARCELA DE IR
354.584,36 C
RETENCAO PASEP
3.801,81 D
DEDUCAO SAUDE
57.027,21 D
DEDUCAO FUNDEB
76.036,29 D
TOTAL:
243.316,16 C

TOTAIS
PARCELA DE IPI
188.106,74 C
PARCELA DE IR
1.445.506,55 C
RETENCAO PASEP
16.336,10 D
DEDUCAO SAUDE
245.041,96 D
DEDUCAO FUNDEB
326.722,64 D

DEBITO FUNDO
588.100,70 D
CREDITO FUNDO
1.633.613,29 C

FEP - FUNDO ESPECIAL DO PETROLEO
DATA
PARCELA
VALOR DISTRIBUIDO

FONTE:
https://www17.bb.com.br/portalbb/djo/daf/Demonstrativo,802,4647,4652,12,1.bbx

CONTA DE ÁGUA

Como adiantou o blogueiro Diego Sousa, a conta de água aumentou. Agora custa R$ 21,00.
Quando o Marió iniciou seu governo a tarifa de água custava R$ 15,00, depois aumentou para R$ 17,00.

Em guarda


lula
O ex-presidente Lula entrou em campo para ajudar o governo a calafetar a nau do ministro Palocci que não para de fazer água.
Desde o Panamá, Lula ligou para o secretário-geral da Presidência, Gilberto Carvalho e deu gás: “Vocês não podem baixar a guarda!”, disparou.
O ex-presidente, apesar de verificar que próceres do PT abanam a crise, não tem dúvidas de que a brasa foi acesa pelo PSDB e tem certeza de que o José Serra comandou a operação.
Deste responso surgiu a fala da presidente Dilma, ontem, quando pela primeira vez defendeu Palocci publicamente ao afirmar que o PSBD está querendo protagonizar um 3º turno.
O PSDB reagiu às ilações e acusou Lula de elaborar uma “teoria da conspiração”, mas, pelo talvez, não deixa de ter sentido o enredo, pois Serra é vezeiro nesta tonalidade.
Pragmático, Lula ensinou que não adianta ficar defendendo Palocci disto ou daquilo, já que há o fato, legal ou não, do seu aumento patrimonial.
O que a presidente precisa fazer, segundo Lula, é sair da toca e “conversar com o povo”, buscando apoio nos movimentos sociais, como ele fez em 2005, no auge da crise do mensalão.
Lula também aconselhou Palocci a sair de cima dos cargos reclamados pelos aliados e desatar os nós, negociando todos os anéis para que possa manter os 10 dedos das mãos: isto é música aos ouvidos da base, cujo maior desgosto é não ver as indicações caminharem.
A oposição não tem número para abrir a CPI mista que almeja e só conseguirá assinaturas suficientes se parlamentares da base as lavrarem. Portanto, que se entreguem as nomeações, o que acalmará a base e evitará a CPI mista.
Simples assim.

Blog do Parsifal

7.000 acessos

            Chegamos aos 7 mil acessos num mês de muitos acessos do blog e da inscrição para concorrer ao Top Blog Brasil, eu só tenho a agradecer pelo acessos e por vocês que acompanham o blog desde quando ainda era o blog "daividsousa", Obrigado Galera! valeu pelo apoio! obrigado aos outros blogueiros da Cidade que tem proporcionado um debate constante da nossa sociedade! viva a blogosfera Izabelense.

COMENTÁRIO DO BLOG

Fico muito feliz pelo sucesso do blog do Tiago, no início não era tão bom, pois o Tiago quase não opinava, agora suas postagens trazem sua perspectiva da realidade e ela é bem enriquecedora. Parabéns ao Tiago e viva a todos nós que participamos ativamente da blogsfera!

CANDIDATURAS

Na próxima terça-feira, o sr. Ishigaki reunirá seu grupo político no PPS para discutir conjuntura eleitoral e lançar dois pré-candidatos a prefeito e cinco pré-candidatos a vereador. Segundo o sr. Ishigaki, já está confirmada a prersença do sr. João  Raimundo e Socorro Silva.
Esta ação do sr. Ishigaki não está concatenada com a direção do partido aqui na cidade, é uma ação pessoal.

UM REGINALDO

 Coletei este texto abaixo nos comentários do Blog do Parsifal, vejo que não sou só eu quem pensa no futuro dos outros paraenses do lado de lá, somos humanos devemos pensar no homem independentemente de fronteiras.


Reginaldo Ramos disse...
Seus argumentos não merecem um só reparo.
Sou deste lado de cá do Pará, de Mocajuba, papa chibé, e muito indignado com o "O liberal" antecipando campanha contra a divisão.
Ele está, pasmem, distribuindo até adesivos para carros.
Não conheço legislação eleitoral, mas o plebiscito, de que trata ao § 3° do art. 18 da CF, não estaria por ela compreendido??
Elite ruim existe em qualquer lugar. Esse é um custo necessário que a população dessas regiões deve assumir. Nós não assumimos as nossas, por acaso?? Quem paga as propagandas oficiais no "O liberal" e no "Diário", péssimos veículos de comunicação?? Somos nós, pobres, ainda carentes de boa formação política.
Essa estória de perda de arrecadação é o cúmulo do egoismo.
Quer dizer: a gente não pode perder, mas o povo dessa região, sim!!!
Penso, também, como vc, quando acredita que não haverá perda. Pode até haver perda nominal, mas não percapta, já que o Pará restará menor, mas administrável.
Por fim, talvez a única razão do geógrafo. Aliás, neste ponto, ele argumentou em causa própria: haverá perda para os demais estados.
Mas será tão insignificante, que os benefícios justificam o desmembramento.
Penso que muita gente desse lado, após as discussões, votarão pelo desmembramento, sem incoerencia alguma.
Um abraço

Desconstruindo o doutor Martin

Arrepia os cabelos a leitura da entrevista, publicada em “O Liberal”, neste domingo, concedida pelo doutor em Geografia Humana pela Universidade de São Paulo, André Roberto Martin.

O objeto da entrevista é apresentar o prejuízo que seria a divisão do Pará em três estados.

O pensamento de Martin, contrário à divisão, tem fundamentos tão capciosos que chegam às raias do proselitismo ariano.

Martin acusa o pacto federativo getuliano (compensação de representatividade política a quem tem menor poder econômico, que visava equilibrar a lógica proto colonialista do eixo norte-sul), como o grande beneficiado na operação.

Afasta a oportunidade da divisão do Pará, alegando, estoicamente, que o fato só aumentaria a representatividade do Norte, pobre, em detrimento do Sul, rico.

O seu pensamento de consolidação de conglomerados econômicos repete a cínica tese delfiniana de que é necessário concentrar riqueza para que ela vaze moedas em distribuição: nada mais anacrônico para um mundo em que o Consenso de Washington está cremado.

Para fundamentar a sua tese de que é preciso privilegiar o valor econômico, Martin comete uma inverdade geopolítica, ao dizer que “O modelo dos Estados Unidos é exemplar nesse ponto de vista, porque primeiro o território novo adquire uma certa densidade demográfica e econômica para depois ascender à condição de Estado membro da União”.

A formação territorial da federação norte americana não obedeceu a esta lógica: não se esperou colônia alguma ter consolidação econômica pois elas foram divididas do ponto de vista puramente estratégico territorial. Os demais estados seguiram o mesmo juízo e o último deles simplesmente foi adquirido com um cheque.

Notem o que o Doutor Martin diz em certo ponto: “Olha só, criou-se o Estado, a União é responsável pelos investimentos em educação, criam-se universidades federais nessas áreas. Será que Roraima e Amapá precisam de universidades? Será que está certo o governo federal fazer esse tipo de investimento? Não é um desperdício? Será que não seria mais vantajoso concentrar os investimentos em educação e universidades nas áreas mais densas da região, como Belém e Manaus?”

Ao ler isto eu levantei da poltrona, fiquei meio atordoado e fui olhar a paisagem para pensar: será que tudo o que eu aprendi sobre democratização e universalização do ensino está errado?

Eu sempre achei que a escola tem que sair dos seus muros e alcançar o estudante onde ele estiver. A República não pode medir esforços para colocar uma faculdade aonde exista gente a educar. Não é desperdício educar.

Se alguém que mora em Tucuruí, no Pará, não pode vir para Belém para cursar uma universidade, como um estudante de Roraima pode fazê-lo? Onde mora o doutor Martin, para achar que é possível vir de bicicleta de Macapá ao Campus do Guamá?

A entrevista então caminha para um anacoluto: Martin admite melhora nos índices gerais dos estados que se emanciparam, mas argumenta que é só porque eles se emanciparam...!?

Ato contínuo, como a querer corrigir o círculo, afirma que olhar somente a melhora do estado emancipado é descontextualizar a vista do país como um todo, e não ver o que ocorre a nível nacional.

Meu caro Doutor Martin, eu desconheço que o Rio Grande do Sul, ou o Piauí, tenham tido algum problema porque o Tocantins virou Estado.

Impressiona a pobreza conjuntural do doutorado de Martin, que o faz imaginar que, dividido o Pará, as duas unidades federativas originadas cortarão imediatamente o contato político econômico e financeiro com o originário, e Belém, como o maior centro da região, não mais receberá o fluxo cotidiano natural que já consolidou.

Ao contrário, a exemplo do que houve em outras divisões, o fluxo não só permanece como aumenta, pois com o aumento da circulação econômica do todo, o centro nervoso, que era a capital do estado, ganha valor agregado, passando a ser o ponto de convergência do aglomerado regional.

Daí pra frente a entrevista cai nos clichês: divisão é coisa das pequenas elites; o poder político destes novos estado será exercido pelas elites microrregionais e et caterva.

Termina a entrevista com falácias e má informação ao dizer que, nas divisões do Mato Grosso e Goiás, os estados originários saíram perdendo: não é verdade.

Ambos, desde a divisão, não perderam 1 centavo sequer de PIB e mantiveram o crescimento econômico médio que vinham obtendo, no caso de Goiás, com maior pujança.

Sinceramente, aos bizarros argumentos do doutor, chocam-me menos aqueles que se baseiam puramente no sentimento de que não devemos dividir porque somos a terra de ricas florestas fecundadas ao sol do Equador.

Blog do Parsifal

COMENTÁRIO DO BLOG

Leiam o texto do doutor Martin, qualquer coincidcência entre o texto dele e o do Tiago Sousa é mera coincidência, não estão os dois a serviço dos interesses de O Liberal.

"Entrevista com o doutor Martin publicada em “O Liberal”, na edição de domingo, 28.02.2010."

Nafissatou Diallo


nafi
A moça da foto acima é Nafissatou Diallo, 32 anos, mulçumana muçulmana nascida na Guiné, que imigrou para os EUA com o marido, do qual se separou.
Diallo é a camareira do Sofitel Manhattan, que acusa o ex-diretor gerente do FMI, Dominique Strauss-Kahn, de te-la atacado sexualmente.
A foto foi publicada no jornal francês, “Le Figaro”.

Blog do Parsifal

BLOGUEIRO FAZ SUCESSO NO TAUÁ

Blogueiro Diego Sousa é sucesso no Tauá, sempre que estou na cidade alguém me aborda para comentar algo que leu em seu blog. É isso aí Diego, abrindo novas fronteiras.

CONTRADIÇÃO

Os blogueiros Tiago e Diego Sousa que defendem a não multiplicação do Pará se contradizem em suas argumentações.
O Diego estampa um texto do PC do B que trás números que mostram que os possíveis outros estados seriam mais ricos que o Pará, o Tiago, após profundos estudos, ficou contra a divisão porque os possíveis outros estados são inviáveis economicamente. Sugiro que entrem em consenso se não vão confundir as pessoas com argumentos contrários que defendem a mesma coisa, como pode?

VEJA OS TRECHOS

BLOG DO DIEGO

"Por outro lado, o Pará remanescente ficará com 18% do território, 78 municípios e 4,9 milhões de pessoas (64% dos 7,5 milhões) e PIB per capita de R$ 3.958,00; o “Tapajós” com 58% do território, renda per capita de R$ 4.779,00, com potencial mineral no vale do rio Tapajós, província polimetálica, potencial turístico; o “Carajás” com 24% do território, renda per capita de R$ 8.763,00, com minérios, rebanho bovino, hidrelétrica, grandes frigoríficos."

BLOG DO TIAGO

"quando fiz a matéria busquei um arcabouço de fontes que me levaram a “crer” que a viabilidade econômica da criação destes novos estados é muito remota, para não dizer impossível,"

COMENTÁRIO DO BLOG


Encerro aqui minha participação no debate sobre a divisão do Pará, volto a falar sobre isso quando do plebiscito. Encerro dizendo a todos nós que somos do lado de cá do Pará que devemos ser contra a divisão, pois além de cômodo, é nosso interesse, afinal o Sul gera a riqueza e nós gastamos, está muito bom assi, porém se tivermos preocupados com a vida de nossos irmão lá de baixo que reflitamos na legitimidade do desejo deles. Tenho essa postura hoje, porque já mortei no Sul do Pará, na cidade de São Domingos do Araguaia, já morei em Tocantins, e falo do que vivi na plele. Se os amigos aproveitarem as férias para visitar o Sul do Estado talvez mudem de ideia. Só não vão ficar doentes pára lá, se não só em Belém ou Goiânia.

EU JÁ SABIA


No final do ano passado após a vitória do Jatene e do PSDB, uma militante de movimentos sociais em defesa da floresta, falou-me que todos estavam de sobre aviso, com a saída do PT do governo "a coisa ia ficar feia", ou seja, que provevelmente a truculência no campo voltaria a ser habitual. Ela estava certa, menos de 6 meses após o início do novo governo os primeiros já tombaram. Urge que o Estado aja e prenda os culpados sob pena de ser considerado cúmplice desta imoralidade.